01) Estudo Socioeconômico da Hotelaria de Belo Horizonte pela Análise Comparativa de Dados Estocástica (DEA-Estocástica)

Keila Maria Luckeroth, Mauri Fortes, Wanyr Romero Ferreira, Eduardo Trindade Bahia

Resumo


Este trabalho apresenta um estudo do desempenho relativo de 14 hotéis da Região Metropolitana de Belo Horizonte utilizando seis diferentes parâmetros de avaliação. Os três parâmetros de entrada incluem água, consumo de energia e número de empregados. Os parâmetros de saída são classificação de hotel, diária e taxa de ocupação, que definem os principais custos mensuráveis dos hotéis. A análise por envoltória de dados (DEA) foi utilizada para obter a eficiência relativa destes hotéis. As principais conclusões são que diferentes opções de parâmetros de entrada podem levar a diferentes eficiências relativas. Se os seis parâmetros são tomados em consideração, 13 dos 14 hotéis estudados são DEA eficientes. Se, por outro lado, o número de trabalhadores é desprezado, apenas quatro hotéis podem ser considerados eficientes. Finalmente, se o consumo de água é negligenciado, oito hotéis se tornam eficientes. Conclui-se que a DEA deve ser usada com ponderação, contemplando os aspectos essenciais da empresa.

PALAVRAS-CHAVE: Análise por Envoltória de Dados; Eficiência; Sustentabilidade; Hotelaria.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • N?o h? apontamentos.